Remédios Para Emagrecer

Fluoxetina Para Emagrecer

Fluoxetina Para Emagrecer
Fluoxetina Para Emagrecer

Fluoxetina Para Emagrecer

 

Fluoxetina para Emagrecer
Fluoxetina para Emagrecer

 

Muito se vem falando sobre o uso de fluoxetina para emagrecer, pois é, mas, na verdade, ela é um antidepressivo, só que cada vez mais usado com outro objetivo: o de emagrecer.

Embora muita gente nem imagine, a perda de peso é só um de seus efeitos colaterais, por isso o uso de fluoxetina para emagrecer vem causando tanta polêmica, já que pode,  comprovadamente,  causar diversos transtornos, entre eles, insônia, confusão mental, ideias de suicídio, anorexia, entre outros…

Para quem não está ligando o “nome à pessoa”, a fluoxetina é conhecida também por  Prozac, e desde que muitos pacientes afirmaram ter emagrecido ao tomarem a droga, ele começou o uso de fluoxetina passou a ser associado a dietas.

Então, embora a fluoxetina não atue diretamente no controle da fome, por tratar a ansiedade e a depressão, ela acaba levando ao emagrecimento, justamente, por ajudar a controlar a ansiedade, já que essa é, muitas vezes, a causa dos quilinhos a mais, muita gente nem imagina, mas é a ansiedade que faz com que muita gente coma exageradamente, mesmo sem ter fome, e é nessa hora que pode se usar a fluoxetina para emagrecer.

A Fluoxetina

A fluoxetina é usada em tratamentos de depressão, transtornos do pânico, bulimia nervosa e transtorno obsessivo compulsivo, ela atua na reabsorção da serotonina, que é uma substância extremamente importante no controle do humor e na sensação de bem-estar, ou seja, deixa o paciente mais satisfeito e menos ansioso.

Efeitos colaterais

Fluoxetina para Emagrecer
Fluoxetina para Emagrecer

A listinha dos efeitos colaterais da fluoxetina não é fraca não, são eles: confusão mental;  enjoo; sonolência; fadiga; boca seca; tremores; irritabilidade; aumento da produção de leite materno; sangramento vaginal fora do período menstrual; perda do apetite; diarreia, e mais, fluoxetina mostrou ter efeito colateral de anorexia em 10% das pessoas testadas …por isso, embora cada caso seja um caso diferente, antes de usar fluoxetina para emagrecer, converse muito com seu médico e pese os prós e contras, assim como, estude se não há formas mais saudáveis de você alcançar a perda de peso.

Afinal, fluoxetina emagrece?

Fluoxetina para Emagrecer
Fluoxetina para Emagrecer

Como a droga trata a ansiedade e outros fatores relacionados a depressão, o paciente pode, sim, realmente perder peso, porém, apenas como um dos efeitos colaterais do medicamento, que podem ser também a perda de apetite e até mesmo a anorexia. Por isso, é importante deixar bem claro que somente um profissional poderá prescrever esse medicamento.

O fato é que não existe nenhum estudo científico indicando o uso de fluoxetina para emagrecer, principalmente, por causa dos graves efeitos colaterais que a droga pode apresentar, inclusive, dores de cabeça e mal estar generalizado. Portanto, com tantos efeitos colaterais graves, quem procura emagrecer deve, primeiro, pesar todos esses contras e estudar formas mais saudáveis de emagrecer, até mesmo apelando para outras substâncias a disposição no mercado, a maioria delas são produtos fitoterápicos, que auxiliam no processo de emagrecimento sem que tenha que colocar em risco sua saúde.

Emagrecer com saúde

Fluoxetina para Emagrecer
Fluoxetina para Emagrecer

Nunca é demais lembrar que não tem forma melhor de emagrecer do que através de uma dieta hipocalórica ou balanceada e da prática de exercícios físicos regularmente, aliás, os exercícios são extremamente importantes, pois eles também servem para aliviar o estresse, diminuir a ansiedade e mandar embora a gordura acumulada, isso sem falar na sensação de bem-estar e na melhora da autoestima.

Mas, vale frisar, só um médico gabaritado poderá avaliar seu  caso e indicar – ou não – fluoxetina para emagrecer, ou de preferência, apelar para tantos outros métodos, como suplementos alimentares, que favorecem a perda de peso, aumentando o metabolismo basal, mas, sem comprometer sua saúde, embora também devam ser prescritos por médicos ou nutricionistas.

About the author

Alexandre

1 Comment

Click here to post a comment