Exercícios Para Emagrecer

Exercícios Para Perder Barriga – Saiba quais São!

Para quem precisa fazer exercícios para perder barriga para o verão que se aproxima, a melhor pedida são os exercícios aeróbicos, pois está cientificamente comprovado, segundo um estudo realizado pela Duke University Medical Center, nos Estados Unidos.

Segundo o estudo, exercícios aeróbicos como a corrida, quando realizados com intensidade e com frequência mínima de 3 vezes por semana, eliminam mais gordura abdominal do que os exercícios de resistência como a musculação.

Para chegar aos resultados, que foram publicados no American Journal of Physiology, 196 adultos sedentários e com sobrepeso, entre 18 e 70 anos, foram acompanhados por seis meses. Eles foram divididos em três grupos: os que realizaram apenas treino aeróbico, apenas treino de resistência ou uma combinação dos dois. O grupo dos exercícios aeróbicos fez exercícios equivalentes a 12 quilômetros de corrida por semana, usando 80% da frequência cardíaca máxima. O grupo do treino de resistência fez três séries de oito a 12 repetições, três vezes por semana. Já o terceiro grupo realizou ambos os treinos. Todos os programas de exercícios foram acompanhados de perto e monitorados, o que garantiu o máximo esforço dos voluntários.

Exercícios para perder barriga
Exercícios para perder barriga

Ao final do acompanhamento, percebeu-se que o treino de resistência não causou reduções significativas na gordura visceral. No entanto, o treino aeróbico reduziu significantemente os níveis dessa gordura e também do fígado – esse treino queimou 67% calorias a mais do que o treino de resistência. A combinação dos aeróbicos com o treino de resistência obteve resultados similares ao treino aeróbico sozinho.

Os exercícios aeróbicos, como também são mais eficazes para diminuir os depósitos de gordura no fígado ajudam a baixar, consequentemente, os níveis de colesterol no sangue.

Tudo isso acontece porque os exercícios aeróbicos são os que mais exigem da corrente sanguínea e da coordenação dos movimentos, proporcionando com isto um maior gasto calórico, o que pode ser observado na balança ao final do mês. Porém, quem deseja não só emagrecer mas aumentar a musculatura deve investir na combinação: exercícios aeróbicos + exercícios anaeróbicos + reeducação alimentar.

Esta combinação faz com que os hormônios corporais estejam equilibrados, o metabolismo esteja acelerado e a boa alimentação, além de garantir a manutenção do novo peso, irá melhorar consideravelmente sua saúde.

Mas o que são exatamente “Exercícios Aeróbicos”?

De acordo com a definição do Wikipédia: “O exercício aeróbico é aquele que refere-se ao uso de oxigênio no processo de geração de energia dos músculos. Esse tipo de exercício trabalha uma grande quantidade de grupos musculares de forma rítmica. Andar, correr, nadar e pedalar, são alguns dos principais exemplos de exercícios aeróbicos.

Os exercícios aeróbicos típicos são contínuos e prolongados, realizados com movimentos muito rápidos. Esta categoria de exercício, é a que traz mais benefícios ao organismo, diminuindo a chance de doenças cardiovasculares e melhorando qualidade e expectativa de vida, pois somente os exercícios aeróbicos de longa duração queimam as reservas de gordura do corpo humano.”

  Benefícios dos Exercícios Para Perder Barriga

AUMENTO DO METABOLISMO

Certas pessoas acreditam que os exercícios para perder barriga não valem a pena o esforço por causa do pequeno número de calorias que gasta. Se andar queima aproximadamente 5 calorias por minuto, o simples fato de ter 7700 calorias em um quilo de gordura, iria parecer que você teria que andar 25 horas e 36 minutos para perder 1 quilo de gordura.

Mas a verdade é que mesmo os exercícios moderados aumentam seu metabolismo de 3 a 8 vezes e queimando calorias mesmo depois do término do exercício durante horas. Então o efeito que acontece depois do exercício, e não o próprio exercício, é que é o maior responsável pela queima de calorias.

MANTENDO OS MÚSCULOS ATIVOS

Cada quilo de músculo requer 110-220 calorias para se sustentar e que a gordura é queimada quase que exclusivamente nos músculos, manter seus músculos torna-se crucial se você deseja perder gordura.

Os exercícios para perder barriga exigem que você faça uso dos seus músculos, o que te permite manter a mesma quantidade de massa muscular que você tem e até aumentar, se você quiser. Se você não fizer nenhum exercício, irá perder sua massa muscular e até reduzir sua habilidade de queimar gordura.

É bom lembrar que os exercícios para perder barriga permitem aumentar sua massa muscular enquanto você perde gordura, e seu peso pode não alterar. Você pode aproveitar todos os benefícios, sejam eles visuais e de estética ou de saúde, que uma melhor proporção gordura/músculo, vai te trazer e no final é isso o que importa.

AUMENTANDO AS ENZIMAS QUE OXIDAM GORDURAS

Para perder gordura, você tem que queimá-la em seus músculos. Os músculos tem enzimas muito específicas que queimam apenas gordura.

Estudos e pesquisas comprovam que as pessoas que se exercitam regularmente tem muito mais enzimas que queimam gordura nos músculos do que pessoas que não se exercitam.

Resumindo, os exercícios aumentam a habilidade do corpo em queimar gordura mais eficientemente. Isto significa que quanto mais você se exercitar, quanto mais você usar seus músculos, mais enzimas que queimam gordura seus músculos irão desenvolver para queimar mais gordura, tornando-se um ciclo muito benéfico para o seu corpo.

Exercícios para perder barriga
Exercícios para perder barriga

 O 5 melhores tipos de exercícios para perder barriga

1- Bicicleta no solo
Para fazer este exercício, deite-se sob um colchonete, una suas pernas e eleve-as para o alto, um pouco acima do chão. As pernas devem ficar levemente flexionadas e as mãos para atrás da cabeça.

Flexione um dos joelhos em um ângulo de 90 graus e estique a outra perna próxima ao chão. Leve o cotovelo oposto à perna estendida em direção ao joelho. Depois faça o mesmo movimento com o outro lado

Este exercício permite trabalhar o músculo abdominal porque trabalha com a flexão lateral do tronco e aproximação do quadril, favorecendo a ativação dos músculos.

Faça 3 séries de 30 repetições deste exercício.

2 – Flexão de quadris
Este exercício trabalha o abdominal por meio da flexão do quadril sobre o tronco. Assim há a concentração da força muscular nos músculos inferiores do abdômen, exercitando-os e tonificando a região.

Forma de realizar:

Em decúbito lateral com a cabeça repousando sobre o braço apoiado no chão, o outro braço a frente do corpo flexionado no ângulo de 90º, com a mão apoiada no colchonete, perna de baixo flexionada, a outra perna levemente abduzida e estendida. Executar uma flexão de quadril. Voltar a posição inicial.

3- Abdominal reverso
Deite-se no colchonete, deixe os joelhos semi-flexionados e contraia o abdome, ao mesmo tempo eleve o quadril levemente do solo.

Comece o exercício curvando o tronco para trás para tirar a sua região lombar do colchonete.

Leve a sua pélvis em direção ao seu tórax e concentre-se no uso do seu abdômen para enrolar o tronco ao invés de balançar as pernas para criar uma dinâmica.

Faça uma pausa quando estiver lá em cima, e em seguida desenrole lentamente o seu tronco de volta a posição inicial, mantendo a tensão sobre o seu abdômen.

Se você ainda é iniciante, pode realizar este exercício em dia alternados, até três vezes por semana, em três séries de 15 movimentos.

 

4 Prancha frontal

As pranchas são ótimos exercícios para o fortalecimento abdominal, pois mantém os seus músculos abdominais contraídos o tempo todo para sustentar o quadril fora do chão.

Além dos músculos abdominais mais superficiais, como reto abdominal e oblíquos, as pranchas ativam também músculos mais profundos, como o transverso do abdômen, e os músculos da coluna responsáveis por manter a estabilidade da coluna lombar e prevenir lesões.

Como fazer: deixe os cotovelos flexionados e os antebraços apoiados no chão, assim como os pés. O quadril deve ser elevado até o nível dos ombros e deve ser mantido nesta posição por um determinado tempo. O tempo varia de acordo com o condicionamento físico de cada pessoa.

É importante manter o corpo alinhado durante esse exercício, caso contrário os músculos lombares acabam exercendo a função do abdômen. Sustente de forma equilibrada e correta o quadril e lembre-se de contrair o abdômen o tempo todo.

5- Tradicional com a perna estendida
O objetivo dos exercícios abdominais é o fortalecimento dos músculos da parede abdominal.

O abdominal tradicional é um exercício que pode ser associado a diferentes tipos de objetivos.

Para quem está começando, esse é o tipo de abdominal mais indicado, pois o movimento é simples e intuitivo, sendo mais difícil de se movimentar errado e não ter resultados positivos.

Como fazer: Deite com as costas encostadas no chão, com as pernas flexionadas, com os joelhos apontando para o teto e com os pés apoiados no chão. Depois, basta levantar a parte superior do corpo apenas com a força dos músculos abdominais, sem pressa e sem tentar encostar o peito nos joelhos flexionados.

Assim é mais provável que só o abdômen esteja sendo trabalhado. O abdominal tradicional trabalha principalmente a parte superior do abdômen, tanto por causa da respiração quanto pelo movimento do corpo.

O ideal é fazer três séries de 25 flexões a cada dois dias.

Dica importante: Controle sua respiração
O controle da respiração durante os exercícios físicos tem como principal objetivo a estabilização do movimento. Por isso, a respiração em si não traz modificações na estética e no fortalecimento da parede abdominal. No entanto, para um indivíduo destreinado, esse estímulo pode ser suficiente para obter pequenas melhorias nesses músculos, como a diminuição da flacidez.

Sendo assim fica a dica: Procure respirar corretamente.

Para deixarmos mais claro e fácil de você entender os exercícios para perder barriga, assista ao vídeo a seguir.

Se você gostou destas dicas, deixe seu comentário logo abaixo, e não deixe de conhecer o Sistema Queima 48 horas, um maravilhosa modalidade de exercícios de alta intensidade, que é bem mais eficaz que o exercício aeróbico comum.

Eu gostaria de saber se este artigo foi útil para você.

Tags