Psyllium – Natural E Extremamente Benéfico Para Tua Saúde

26

O nome Psyllium pode te soar de forma estranha, mas, antes de achar que se trata de mais alguma novo suplemento, saiba que, o Psyllium é extremamente benéfico para pessoas que sofrem com prisão de ventre, hemorroidas, diarreia, doença de Crohn, entre outras.

Psyllium é extraído da casca das sementes de uma planta chamada Plantago ovata. Essa fibra natural possui uma alta capacidade de absorção de água e a capacidade de aumentar até 20 vezes de tamanho, quando em contato com líquidos.

Essa característica do Psyllium é uma excelente notícia para quem busca uma opção saudável para o emagrecimento ou ajuda no combate e prevenção de uma série de doenças. Neste artigo falo sobre todos seus benefícios.

O que é Psyllium?

O Psyllium ou psilio, substância muito conhecida por fazer a limpeza do intestino, é uma fibra solúvel feita de cascas das sementes de uma planta, o Plantago.

Psyllium
Psyllium

Devido à sua eficácia, o Psyllium é usado habitualmente por pessoas que sofrem de problemas como a prisão de ventre, hemorroidas e a obesidade.

Várias pesquisas feitas pela University of Maryland – Medical Center, comprovam a importância do uso de Psyllium como um tratamento muito eficaz contra a prisão de ventre.

Segundo os investigadores, o Psyllium quando “combinado com água, estimula os intestinos a contrair e ajuda a acelerar a passagem de fezes pelo trato digestivo”.

No entanto, outros estudos médicos demonstram que além de beneficiar a saúde intestinal, esta fibra é benéfica também para outros órgãos como o coração e o pâncreas.

Psyllium – Para que serve?

Como foi dito anteriormente, o Psyllium é obtido a partir da semente da planta Plantago Ovata e possui característica higroscópica (capacidade de absorver água), que por sua vez, permite que se expanda e produza mucilagem (substância pegajosa produzida por quase todos os vegetais).

Psyllium
Psyllium

 

O termo que deveria ser usado é Psyllium Seed Husks para identificar sua origem a partir da casca da semente da Plantago Ovata, porém se utiliza com mais frequência apenas Psyllium.

Devido à complexidade do nome, no Brasil algumas outras variações são usadas, tais como: Psílio, Psilio, Psilium e Psillium.

Embora seja mais conhecido como um laxante o Psyllium serve para tratar diversos problemas de saúde e traz inúmeros benefícios.

 

Benefícios do Psyllium

 

 

Psyllium limpa o intestino

Psyllium

O Psyllium funciona como um formador de massa natural, porque ao entrar em contato com água forma um gel sem glúten no intestino que faz aumentar o volume das fezes e amolece-as.

Isto facilita a digestão e regulariza-a sem aumentar a flatulência.

Enquanto viaja pelo trato intestinal, funciona literalmente como uma “escova” para limpar os intestinos levando consigo resíduos metabólicos, toxinas, mucos e metais pesados.

Esta fibra de limpeza é bem mais natural e suave que os laxantes, e é por isso que muitas das pessoas que têm prisão de ventre, hemorroidas ou fissuras anais escolhem as cascas de Psyllium para ajudá-las a lidar com os problemas intestinais.

Caso você tenha dúvidas em saber porque a limpeza do intestino é tão importante, digamos apenas que a sua saúde COMEÇA no cólon.

Ficaria surpreendido com o número de doenças (inclusive vários tipos de câncer) que têm origem num intestino não saudável.

 

Psyllium é uma excelente fonte de fibra

 

Psyllium

Está provado que os nossos antepassados do Paleolítico consumiam até 120g de fibra por dia.

Em contraposição, a maioria de nós faz dietas com pouca fibra. De fato, estudos demonstram que atualmente a grande parte de nós consome menos de 9g de fibra por dia, quando devíamos consumir 25 a 35g.

De certa forma, o fato do dia-a-dia ser muito exigente é muitas vezes a causa de dietas pobres em fibras.

Se for uma destas pessoas, então deveria pensar em tomar Cascas de Psyllium Orgânicas, pois são uma excelente fonte de fibra solúvel.

Comece a tomar apenas 5g de Psyllium por dia para o seu corpo se habituar. Pode aumentar a dose gradualmente até sentir os efeitos tangíveis: regularidade na evacuação, além de eliminação prolífera e completa de resíduos fecais dos seus intestinos.

Não se assuste se começar a ter diarreia, inchaço ou flatulência, apenas reduza a dose e tudo ficará bem.

Psyllium, Fibras amigas do coração

 

Psyllium

Estudos médicos concluíram que as fibras solúveis desempenham um papel importante no controle dos níveis de colesterol.

Todos deviam controlar os níveis do mau colesterol, no entanto, para pessoas acima dos 50 anos ainda é mais importante que o façam.

Um estudo da Universidade de Cambridge revelou que uma fibra solúvel como o Psyllium pode reduzir o risco de desenvolver doenças cardíacas, pois reduz a pressão sanguínea e fortalece o miocárdio (músculo do coração).

Psyllium emagrece

Psyllium

Se está interessado em perder peso, então o Psyllium pode realmente ajudá-lo.

O bom do Psyllium é que não só o ajudará a perder peso, como ao mesmo tempo vai melhorar a saúde do seu intestino e do seu coração (como acima se explicou).

As cascas de Psyllium ajudam a reduzir ou controlar o seu peso, porque se o tomar antes de uma refeição vai sentir-se cheio, evitando que coma em excesso.

Naturalmente, isto vai ajudar quem tem mais apetite a comer menos. A longo prazo, vai inevitavelmente ajudar o estômago a reduzir o seu tamanho ao ponto de este “pedir” menos comida para se sentir satisfeito.

Se quer realmente perder ou estar atento ao seu peso, então deveria considerar em incluir o Psyllium na sua dieta.

Psyllium é benéfico para os diabéticos

 

Psyllium

Há uma coisa que as pessoas que têm diabetes e mesmo as que não têm se deviam preocupar: o nível de açúcar no sangue.

Quem tem diabetes devia preocupar-se por razões que todos conhecemos; e quem não tem, para evitar que esta doença se desenvolva.

O Psyllium ajuda a manter a glicemia estabilizada, ou seja, ajuda a ter níveis saudáveis de açúcar no sangue.

Concluiu-se num estudo que tomar 10g de Psyllium por dia é benéfico para doentes de diabetes tipo 2, pois controla o açúcar no sangue.

 

Psyllium previne a letargia e o desconforto

 

Psyllium

Ficaria surpreendido com o número de problemas que desapareceriam se tivesse um intestino saudável.

A questão é que muitos pensam que não têm problemas de intestinos.

Embora não saibamos e até achemos normal termos “pequenos” problemas, a verdade é que os temos e não são pequenos, são graves.

Por vezes, mesmo se dormimos bem, passamos o dia desconfortáveis, lentos e com falta de motivação.

Perguntamo-nos por que é que isto acontece e começamos a pensar “Será porque estou mais velho?”, “Será que preciso tomar vitaminas”, “Talvez devesse beber café”.

Muitas vezes os intestinos são a causa do problema, porque se não estão saudáveis ou funcionando devidamente, o corpo encontra dificuldade em absorver os nutrientes necessários para manter-nos “em funcionamento” e com boa disposição. Isto resulta quase sempre em apatia e desmotivação.

Solucionar o problema significa normalmente começar a consumir uma boa quantidade de fibras.

Psyllium é uma fibra sem glúten

Psyllium

O glúten endurece e seca as fezes, sendo difícil para os nossos intestinos eliminá-las, por isso é prejudicial para quem sofre de obstipação intestinal e hemorroidas.

Até para quem não luta contra estes problemas o glúten é nocivo, porque faz com que as células intestinais produzam uma substância que destrói o revestimento das paredes intestinais.

Desta forma, compromete o seu efeito de isolamento a agentes nocivos como micróbios, toxinas e resíduos fecais que escapam dos intestinos e reentram no corpo através da corrente sanguínea

A boa notícia é que o Psyllium não têm glúten. Por isso, além de ser uma fonte de fibra saudável e eficaz, pode também ser um parceiro importante na cocção.

O Psyllium têm a capacidade de se tornar um gel quando entra em contato com a água ou humidade, por isso revelam-se um ótimo ingrediente em receitas sem glúten, uma vez que os alimentos sem glúten tornam-se mais secos e com grumos.

Como usar Psyllium na culinária?

Pode-se usar Psyllium no pão, panquecas, bolos, iogurtes, saladas ou para engrossar as sopas.

No que tange aos possíveis usos do Psyllium na cozinha o céu é o limite.

Como tomar Psyllium como suplemento de fibra

Psyllium

Poderá consumir diariamente o Psyllium adicionando uma colher de sopa a um copo de água (preferencialmente morna) com cerca de 20 cl. Mexa bem.

Espere 5 minutos e volte a mexer. Poderá observar que o Psyllium absorve a água e adquire uma consistência gelatinosa.

Esse é o efeito que fará “milagres” dentro do seu intestino. Beba.

Em seguida beba mais um copo de água na temperatura ambiente.

Se não sentir os efeitos desejados nos dias seguintes e persistir alguma dificuldade em evacuar poderá experimentar o mesmo procedimento duas vezes ao dia. Não deverá no entanto ultrapassar a dose diária recomendada de 3 a 6 g, porque tudo o que é em excesso não é benéfico para o seu organismo.

Tabela nutricional do Psyllium

 

Psyllium

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here